Itororo.net, o site da cidade de Itororó, em Bahia (Brasil)
Restaurante e Pizzaria Vitrine

Traduzir WEB

 Ago   Setembro 2018   Out

DSTQQSS
   1
  2  3  4  5  6  7  8
  9101112131415
16171819202122
23242526272829
30 
Julianna Walker Willis Technology

O Tempo

O mais lido

Fome Zero
Doe sangue, doe vida

Denúncia o Desmatamento!

Vigie a Amazônia e proteste contra a destruição da floresta
DIGA NÃO a dengue e a malária
Banner
Monitored by eXternalTest
Jun
09
2009
Brasil reduz em 52,3% os casos de dengue PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 
Noticias - Trabalho e Saúde

Aedes aegyptiO número de casos de dengue caiu 52,3% este ano em relação ao ano passado. É o que aponta a nova avaliação preliminar do Ministério da Saúde em relação ao quadro da doença no País. De acordo com as informações enviadas pelas secretarias estaduais de saúde até o dia 24 de maio, 266.285 pessoas contraíram dengue nos primeiros meses deste ano, enquanto que, em 2008, o número de infectados chegou a quase 560 mil, no mesmo período. Todas as regiões também registraram queda. As reduções foram de 68,6% no Sudeste, 48,6% no Sul, 42,6% no Nordeste, 31,3% no Norte e 11,3% no Centro-Oeste.

A tendência de queda foi acompanhada por 19 estados e pelo Distrito Federal. Um dos destaques no novo boletim é a redução de 96,5% das notificações de dengue no estado do Rio de Janeiro. Porém, sete estados tiveram aumento de casos – Acre, Roraima, Amapá, Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Em relação ao boletim preliminar do mês de maio, Minas Gerais saiu do grupo de estados com aumento de notificações e já apresenta ligeira redução de casos (veja quadro).

Outro destaque apontado na nova avaliação do Ministério da Saúde é que nos estados do Amapá, Tocantins, Maranhão, Piauí, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, São Paulo, Paraná e Mato Grosso do Sul não houve registro de óbitos causados pela dengue. Além disso, no Acre, Amazonas, Roraima e Goiás a taxa de letalidade, que é a proporção entre número de casos graves da doença e as mortes, foi de aproximadamente 1%, o que se mantém dentro dos padrões aceitos pela Organização Mundial da Saúde (OMS).


Embora o dado nacional seja positivo, o Ministério da Saúde alerta para o fato de que as ações de controle e prevenção são permanentes e devem envolver governo federal, estados e municípios, além da população, entidades de classe, organizações não governamentais e iniciativa privada.

A dengue deve ser combatida todos os dias, mesmo nos períodos em que a chuvas diminuem. Isso porque o ovo do mosquito pode se manter em condições para eclodir e virar larva por um período de até 400 dias. Por isso, as ações devem ser intensificadas na época das chuvas, mas devem mantidas o ano todo”, afirma o Diretor de Vigilância Epidemiológica do ministério,  Eduardo Hage.
 


Casos notificados de dengue. Brasil, 2008 e 2009

 

  • (1)   Casos confirmados autóctones
  • (2)   Casos importados
  • * Dados até a semana epidemiológica 17, sujeitos a alteração


CASOS GRAVES –Houve queda expressiva em relação aos casos de Febre Hemorrágica de Dengue (FHD) notificados pelos estados ao Ministério da Saúde. Este ano, 660 pessoas tiveram FHD, dado menor do que os 2.847 registrados em 2008, o que corresponde a uma queda de 77%. Em relação aos casos com complicações, a diminuição foi ainda maior. No período avaliado, 1.101 pessoas tiveram dengue com complicações, contra 13.813 em 2008, ou 92% de redução.
 
Com relação à letalidade por Febre Hemorrágica de Dengue (FHD), foram registrados 73 óbitos entre o dia 1º de janeiro e 24 de maio deste ano. Esse dado é 57% menor do que as 170 mortes registradas no mesmo período de 2008. Quanto aos óbitos causados por dengue com complicações, houve redução de 81%, passando de 189, em 2008, para 35, este ano. As taxas de letalidade em 2009 ficaram em 11% para a FHD e de 3,2% para a DCC. A taxa de letalidade do total de casos graves (FHD+DCC) foi de 6%.
 
MOBILIZAÇÃO - A mobilização para evitar um agravamento do quadro de dengue em 2009 foi intensificada pelo Ministério da Saúde em outubro do ano passado, meses antes do início do período de maior transmissão da doença, que vai de janeiro a maio. É neste intervalo que ocorrem aproximadamente 70% das notificações.

Na ocasião, foi anunciado o aumento de recursos para estados e municípios, que elevou para R$ 1,08 bilhão a verba para o combate à doença e a compra e distribuição aos estados de 270 nebulizadores costais motorizados, 200 veículos Kombi, 100 motocicletas, 40 veículos pick-up e 30 pulverizadores costais motorizados.

Em parceria com o Ministério da Defesa, 2.300 militares foram colocados à disposição para o combate à dengue e atendimento a pacientes. Já a parceria com o Ministério da Educação permitiu levar informação a estudantes e professores, como o filmete “Vila Saúde”, que está sendo veiculado para alunos do ensino básico.

O ministro José Gomes Temporão manteve intensa agenda com os gestores nos estados e municípios — especialmente para alertar contra uma eventual desmobilização e interrupção das ações de controle no período de transição de prefeitos e equipes após as eleições municipais. O Ministério da Saúde também lançou uma nova campanha de mídia sobre a prevenção da doença e anunciou os resultados do Levantamento Rápido de Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) com o objetivo de lançar o alerta nacional de reforço de ações em áreas críticas, entre outras ações.

Fonte: Ministerio da Saúde

Comentários (0)add comment

Escreva seu Comentário
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
menor | maior

security image
Escreva os caracteres mostrados


busy
 
Itororo.net, o site da cidade de Itororó, em Bahia (Brasil)
Restaurante e Pizzaria Vitrine
" Destruímos sempre aquilo que mais amamos
em campo aberto, ou numa emboscada;
alguns com a leveza do carinho;
outros com a dureza da palavra;
os covardes destroem com um beijo;
os valentes, destroem com a espada. "

Oscar Wilde


Get Adobe Flash player

Ultimos comentarios

Eu usei capiloton era um produto muito bom eu tenha queda de cabelo por causa de produtos químicos usei usei capiloton ótimo
▸ 28/02/18 11:16 Mais...

Se alguém esta passando por isso e quiser saber como acabei com a minha coceira me manda um e-mail eu explico direitinho!
▸ 21/08/15 21:43 Mais...

Mas eu quero os nomes das tribos que vivem no DF >:(
▸ 02/03/15 14:06 Mais...

8)Olá! Sou o Evandro Neves, compositor, arranjador e produtor musical, atualmente estou trabalhando em um projeto pop rock, quem já ouviu...
▸ 11/09/14 15:11 Mais...

Visitas em nosso site

mod_vvisit_counterHoje :154
mod_vvisit_counterOntem :229
mod_vvisit_counterSemana :1518
mod_vvisit_counterUltima Semana :1795
mod_vvisit_counterMês :5462
mod_vvisit_counterUltimo Mês :9378
mod_vvisit_counterTotal Visitas :2116272

Em linha: 9
Seu IP: 54.198.142.121
,
Hoje: 21-09-2018 15:33
SISTEMA DE RASTREAMENTO DE OBJETOS dos Correios

Itororó.net
Todos os direitos reservados.
 Copyright © 2007-2012 Itororó - BAHIA
  Política de PrivacidadeValidatión CSSValidatión XHTML 1.0Designed by
.