Itororo.net, o site da cidade de Itororó, em Bahia (Brasil)
Restaurante e Pizzaria Vitrine

Traduzir WEB

 Ago   Setembro 2018   Out

DSTQQSS
   1
  2  3  4  5  6  7  8
  9101112131415
16171819202122
23242526272829
30 
Julianna Willis Technology

O Tempo

O mais lido

Fome Zero
Doe sangue, doe vida

Denúncia o Desmatamento!

Vigie a Amazônia e proteste contra a destruição da floresta
DIGA NÃO a dengue e a malária
Banner
Monitored by eXternalTest
Aug
30
2008
Os Efeitos da Economia na Região PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 
Noticias - Economia
Escrito por Miro Marques   

ItororóO Governo Brasileiro e os grandes economistas do País afirmam que a economia brasileira está estabilizada. Eu na minha pequenez maneira de analisar economia até posso acreditar nesta assertiva, porque faz um bom tempo que não vejo o preço da gasolina subir, até duas vezes por semana, como era de costume, porém gostaria de estabelecer alguns parâmetros que, no meu entender, conflitam com esta informação.

Senão vejamos! No passado, não tão distante, conhecemos alguns pequenosprodutores rurais que num pedacinho de chão, herdado dos seus pais ou adquirido com muito sacrifício por labor próprio, conseguiram criar e educar os seus filhos com os lucros da produção agrícola, ali obtidos. No município de Itororó citamos apenas dois das dezenas de heróis que em regime de economia familiar, em pequenas glebas agricultáveis, formaram seus filhos em medicina: José Alves Queiroz formou um oftalmologista Dr. Nivaldo e João Abílio da Silva, formou dois médicos cirurgiões: Dr. Luiz Carlos e Dr. Tony. Hoje, eles não teriam condições, sequer, de continuarem no meio rural, muito menos doutorar os seus filhos em medicina legal. Muitos outros, por não terem mais como permanecer no campo tiveram que se abrigar na periferia das cidades em humildes casebres, porque com o pouco dinheiro que conseguiram, só foi possível adquirir na zona urbana uma tapera. E por não saber fazer outra coisa que não fosse cultivar a terra, eles tiveram que aventurar uma vagazinha de gari no serviço público municipal, outros se contentaram com os proventos do benefício de aposentadoria rural, de meio salário mínimo, pago pela Previdência Social no ano de 1971 pela Lei Complementar nº 11. Aumentado para um salário, pelo Presidente Collo de Melo, 20 anos depois.
Seguindo esta mesma linha de raciocínio encontramos na região muitas desativações de empresas e entidades que não resistiram a crueldade do sistema econômico em vigor e caíram, como aconteceu às agremiações sociais: Clube Social de Itororó e - ACI - Associação Cultural de Itapetinga que tantas alegrias proporcionaram a pelo menos três gerações e que hoje não funcionam mais nem como museu; a rinha e galo Bico de Ouro de Itororó, que chegou com fama de a melhor da região, podendo realizar torneios até nacionais e latinos americanos, agora está a caminho da ruína; o cinema que já foi o melhor meio de diversão e teve grande influência na cultura e nos costumes da população, pois Ilhéus teve três cinemas, Itabuna teve quatro, Itapetinga dois, Itororó também chegou a ter dois, Vitória da Conquista teve quatro e as cidades menores todas tiveram seus cinemas como atraentes casas de diversões e em todas elas os cinemas foram caindo paulatinamente e desaparecendo do roteiro cultural, cedendo espaço, na sua maioria, para os templos da Igreja Universal do Reino de Deus.
Recordamos com saudade as várias indústrias que existia no trecho de Ibicaraí / Itapetinga abrindo novo mercado de trabalho, garantindo milhares de empregos, mas que hoje não existem mais.
A fabrica de refrigerantes Grapi que se instalou em Ibicaraí e depois mudou seu rótulo por força da chancela de uma mega empresa norte americana, logo foi desativada; Santa Cruz da Vitória se orgulhava da sua beneficiadora de carne seca, sob direção do saudoso deputadoPaulo Nunes, a Charqueada Cataluñna, que industrializava, embalava e distribuía uma carne de tão boa qualidade que foi comparada, a época, a Jabá do Rio Grande do Sul; o Frigorífico Sani de Rio do Meio que enlatava carne suína; a Central de Inseminação Artificial depois Laticínio Cabana da Ponte - menina dos olhos - do saudoso Dr. Sinval Palmeira; a Realta Adubos Orgânicos de Itororó; a Alimba Produtos Alimentícios da Bahia que se instalou primeiro em Itapetinga, depois em Itororó; a Cerâmica Alegrete de Augusto Brito em Itororó; o Laticínio Santa Fé do Sr. Valdo, próximo ao Palmeirinha, que supria o comércio do Sul da Bahia com seus excelentes produtos; a fabrica de laticínios a Garôta que enlatava uma manteiga de primeira qualidade na região do Rio Pardo; o posto e hotel Marabá no Ponto Certo; a descascadora de arroz de Loyola e recentemente as concessionárias de veículos: Comvivo e Catolé de Itapetinga Ect. Ect.
É melhor parar por aqui porque senão a nossa redatora Eliene Portella cansará as mãos digitando textos e mais textos se referindo às massas falidas regionais. Mas como toda ação tem sempre uma reação, podemos enumerar alguns empreendimentos que a exemplo da Fênix, aquela ave que ressurgiu das cinzas, também conseguiram escapar dos escombros deixados pelas tenebrosas turbulências dos efeitos do “Novo Sistema Econômico Brasileiro”.

Entre eles ressaltamos com prazer a firmeza do nosso querido Jornal Dimensão, um exemplo a ser seguido. Com a magia administrativa empreendida pelo competentíssimo jornalista Flavio Scaldaferri ele conseguiu driblar todos os percalços e ultrapassar as sinistras barreiras que se lhe apresentaram, tirando de letra, para se firmar como grande órgão de imprensa da Região Sudoeste da Bahia.

Poderíamos destacar também a grande conquista da faculdade à distância que facilitou a situação de muitas pessoas que não tinham condições de se deslocarem para os grandes centros para estudar e agora estudam pela internet.

O transporte também melhorou bastante. Hoje, embora caro, se tem ônibus e vans para qualquer lugar, menos avião para Itapetinga.

A comunicação agora está mais fácil e de melhor qualidade. Eu até discutia isso com a nossa chefe de reportagem, Portelinha, a facilidade que hoje se tem de usar uma pequenina câmera para fotografar as imagens em qualquer lugar e sem precisar passar por revelação podemos leva-la diretamente da máquina para as páginas do jornal. E isto, antes, exigia do fotografo lambe-lambe enfiar o pescoço num compartimento abafado coberto por um pano preto deixando-o sem poder respirar.

A diagramação de um jornal, no passado, por meio daqueles tipos de chumbo montado letra por letra como fazia o abnegado jornalista Antonio Sobrinho, pioneiro na área, sediado em Itambé, e Hélio Nunes enfocado no caderno cultural do jornal A Tarde, poeta e jornalista, que escreveu juntamente com o ex-cronista policial da Rádio Sociedade da Bahia, Derneval Landim, nos anos 60 em Itororó, o jornal “O Quinze”, esse tipo de jornalismo exigia muito trabalho, tempo e, sobretudo, dedicação. A esses heróis precursores da comunicação na região, nós deveríamos hastear láureas porque foram eles que tiveram a brilhante iniciativa de registrarem os fatos fazendo noticias - não obstante as dificuldades – datando as primeiras ocorrências da nossa região.

É claro que a chegada da nova tecnologia facilitou a vida de muita gente, mas para isto, nós tivemos que pagar um tributo muito alto. Porque perdemos muitas das nossas suadas conquistas. Concorda comigo?...

{rt}

Comentários (1)add comment

visitante said:

isso nã tem é nada!!
 
reportar abuso
-
setembro 23, 2008
Votos: +0

Escreva seu Comentário
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
menor | maior

security image
Escreva os caracteres mostrados


busy
 
Itororo.net, o site da cidade de Itororó, em Bahia (Brasil)
Restaurante e Pizzaria Vitrine
"

Conhecimento real é saber a extensão da própria ignorância.

"

Confúcio


Ultimos comentarios

Eu usei capiloton era um produto muito bom eu tenha queda de cabelo por causa de produtos químicos usei usei capiloton ótimo
▸ 28/02/18 11:16 Mais...

Se alguém esta passando por isso e quiser saber como acabei com a minha coceira me manda um e-mail eu explico direitinho!
▸ 21/08/15 21:43 Mais...

Mas eu quero os nomes das tribos que vivem no DF >:(
▸ 02/03/15 14:06 Mais...

8)Olá! Sou o Evandro Neves, compositor, arranjador e produtor musical, atualmente estou trabalhando em um projeto pop rock, quem já ouviu...
▸ 11/09/14 15:11 Mais...

Visitas em nosso site

mod_vvisit_counterHoje :98
mod_vvisit_counterOntem :229
mod_vvisit_counterSemana :1462
mod_vvisit_counterUltima Semana :1795
mod_vvisit_counterMês :5406
mod_vvisit_counterUltimo Mês :9378
mod_vvisit_counterTotal Visitas :2116216

Em linha: 8
Seu IP: 54.156.51.193
,
Hoje: 21-09-2018 09:44
SISTEMA DE RASTREAMENTO DE OBJETOS dos Correios

Itororó.net
Todos os direitos reservados.
 Copyright © 2007-2012 Itororó - BAHIA
  Política de PrivacidadeValidatión CSSValidatión XHTML 1.0Designed by
.